Áreas de Atuação

Dente do Siso
Dente do Siso

Os 3º molares conhecidos popularmente como dente do SISO são os últimos dentes a nascer, isto ocorre em média entre os 17 e 25 anos; porém muitas pessoas não apresentam espaço suficiente para que estes dentes possam nascer ocasionando sua impacção ou sua erupção parcial.

Para entender e identificar o dente do siso, primeiramente temos que ter conhecimento sobre a nomenclatura e localização dos dentes na cavidade bucal.

Os indivíduos adultos apresentam 32 dentes permanentes que são divididos da seguinte forma:

  • 4 incisivos centrais (2 superiores e dois inferiores) estes são os quatro dentes da frente;
  • 4 incisivos laterais (2 superiores e dois inferiores) estão localizados ao lado dos incisivos laterais;
  • 4 Caninos (2 superiores e 2 inferiores) estão localizados ao lado dos incisivos laterais;
  • 8 pré-molares que são divididos em 4 primeiros pré-molares e 4 segundos pré-molares (sendo 4 superiores e 4 inferiores);
  • 12 molares que são divididos 4 primeiros molares, 4 segundos molares e 4 terceiros molares (sendo 6 superiores e 6 inferiores).

Para identificarmos se um dente do siso terá a possibilidade de erupcionar é ideal que se realize um Rx panorâmico, com isso conseguiremos analisar em que fase de formação este dente está e se apresenta espaço suficiente para a sua erupção ou será necessário realizar a sua remoção.

QUAIS AS INDICAÇÕES PARA REMOÇÃO DO DENTE DO SISO?

  • Falta de espaço;
  • Extração com finalidade ortodôntica;
  • Inflamação e infecções recorrentes;
  • Prevenção ou tratamento de cistos;
  • Prevenção ou tratamento de lesões aos dentes adjacentes;
  • Auxiliar ou possibilitar tratamentos protéticos e restauradores;
  • Preparo para cirurgia ortognática;
  • Dificuldade ou impossibilidade de higienização.

Vídeos